Quem somos

Quem somos
O blog de Joana D'Arck e pilheiros

terça-feira, 10 de março de 2009

O Futuro da Humanidade


"Nunca a indústria do lazer - a TV, os videogames, a internet, o esporte, a música, o cinema - foi tão expandida e, no entanto, o ser humano nunca teve um humor tão triste e ansioso. Nunca as pessoas viveram tão adensadas nos escritórios, nos elevadores, nas salas de aula, e nunca foram tão solitárias e caladas sobre si mesmas. Nunca o conhecimento se multiplicou tanto em sua época, mas nunca se destruiu de tal maneira a formação de pensadores. Jamais o homo sapiens desenvolveu tantos transtornos psíquicos e teve tanta dificuldade de se tornar autor de sua própria história".


Transcrevi o trecho acima de "O Futuro da Humanidade - A saga de um pensador", de Augusto Cury, um livro emocionante, com histórias belíssimas e diálogos ricos sobre as correntes da psiquiatria, da filosofia e sobretudo sobre o que aflinge a nossa sociedade, com uma boa dose de drama e também de humor. Li por sugestão da fisioterapeuta Virgínia Rio de Araújo, uma nova amizade que acabo de fazer.

4 comentários:

simoaborba disse...

Massa seu blog Jô,

Você é uma mulher retada mesmo, mete a cara e faz, mas quanto ao Cury já li alguns textos dele na facudade, parece ser um autor interessante,acho que vou acatar a sua sugestão.

Beijo e Boa sorte,

Simoa Borba

joana disse...

Beleza Simoa. Quero ver você sempre aqui dando seus pitacos e estimulando essa nossa conversa, porque a idéia é essa. Valeu.

Anônimo disse...

Quando li a primeira vez, senti uma enorme vontade de compartilhar esta obra com a humanidade, principalmente com alguns profisionais de saúde, que esquecem justamente a parte mais importante da história, da profissão, do juramento, amor ao próximo...Foi e está sendo muito importante este nosso contato, e aprendizado diário.Beijão!Virginia Rios de Araujo.

joana disse...

É mesmo Virgínia, esse livro bem que podia ser explorado nos cursos de formação de profissionais de saúde. Mas a lição de amor ao próximo e respeito ao ser humano vale para todos. Quanto ao nosso contato, tenho um palpite de que daqui está nascendo uma bela amizade. Não vamos nos dispersar. Bj.

Arquivo do blog