Quem somos

Quem somos
O blog de Joana D'Arck e pilheiros

quinta-feira, 27 de agosto de 2009

Nos bastidores da nossa luta


O Pilha Pura não poderia deixar de registrar o dia de hoje (27/08), em que jornalistas, professores e estudantes de jornalismo caminharam pelo centro da cidade (da Praça da Piedade até a Praça Municipal). Depois participaram de audiência pública sobre a luta pela aprovação de nova legislação que regulamente a profissão e devolva o diploma dos jornalistas, derrubado pelo Supremo Tribunal Federal, sob o comando do ministro Gilmar Mendes (arg!).






A causa por si só vale a nossa participação, mas apesar da seriedade da questão, o reencontro de colegas também foi marcado por momentos impagáveis. Dá só uma espiada nas fotos.




Eu e Carmela empunhando "pirulitos"

Manoel Porto registra tudo e todos


Aguardando o começo da audiência pública


























Taís Bichara segue os passos da tia e mostra

que tem garra para lutar pela futura profissão


Essa cassação do diploma é uma palhaçada



















Margarida Neide chegou cheia de gás para registrar a manifestação para o jornal A Tarde (tomara que o jornal publique algo!)





















Enquanto esperam o começo da audiência pública, no Centro Cultura da Câmara Municipal, Margarida Neide troca figurinhas com Manoel Porto e o professor Washington Souza(Washingtinho)




















A irreverência de Carmela Talento








Carmela chegou cantando "um, dois,três, ACM no Xadrez", mas a galera tratou logo de situar a moça entregando uma "cola" com as plavras de ordem que deveria gritar nas ruas (rsrsrs): "STF não vale nada! Jornalista sem diploma é palhaçada"; População, preste atenção! Querem roubar teu direito à informação"; Gilmar, pode esperar, a tua hora vai chegar"; Gilmar, presta atenção, muito rtespieto com a nossa profissão; informação de qualidade, merece a sociedade" .

















Os deputados federais Alice Portugal e Daniel Almeida (PCdo B) e Emiliano José (PT) conversam descontraidamente com os demais componentes da mesa antes de iniciar o falatório da audiência pública presidida pelo vereador Alan Sanches, presidente da CMS.



video

A caminhada pela Avenida Sete de Setembro

9 comentários:

Mônica Bichara disse...

Valeu a cobertura, Joaninha! Tá completa. Da palhaçada do STF ao trampo de Mané Porto, teve de tudo, até cola para as palavras de ordem. Pena que os coleguinhas e estudantes, principais interessados, pingaram. Mas é isso mesmo, a luta tá só começando. E já foi um avanço em relação aos últimos eventos de Salvador, com uma mesa prá lá de significativa: três deputados federais, o presidente da Câmara, a presidente do Sinjorba, o coordenador da Facom, uma estudante e um representante do Fórum Nacional pela Democratização das Comunicações. Vamos pra frente. bjs

Rita Tavares disse...

Engolida pelos afazeres, infelizmente não pude participar da manifestação. Mas fui à audiência, que, para minha sorte, começou bem atrasadinha. Continuemos a luta, sem trégua. Avisem-me sempre e contem comigo. Que rapidez de cobertura, hein, Joaninha? Agora, contrate um fotógrafo, pois se está configurando o fenômeno da multipla funcão, inflacionando o nosso mercado.kkkk

Jadson disse...

"Bota pra ralá, Pilha Pura tá que tá". Que tal o bordão que acabei de criar, em homenagem à cobertura agilíssima do blog. Prometo não cobrar direitos autorais.
Saudosismo em alta, gostei mesmo foi da palavra de ordem de nossa Carmelita.

Joana D'Arck disse...

Esqueci de registrar o momento de glória da nossa colaboradora Mônica Bichara, única citada pela presidente do Sinjorba, que agradeceu o empenho dela no apoio à organização e mobilização da audiência pública. Você mereceu comadre, sei o quanto se esforçou por esse evento.

Rita birita, que ser a nossa fotógrafa?

Jadson, amei o bordão do Pilha e tô toda me achando agora com esse estímulo de vocês. Vamos à luta, gente, porque não vai ser fácil e Emiliano lembrou bem: aquele Congresso Nacional só funciona sob pressão. Ou não sai nada, ainda mais que a PEC contraria os interesses dos barões da mídia gorda. Atenção estudantada, tá na hora de ir pras ruas e lutar pelo futuro.

Carmela disse...

O número reduzido de colegas na manifestação não deve servir de desanimo, ao contrário, outras manifestações devem ser programadas. Parabéns Joaninha pela divulgação e pela competência de tratar um tema de tamanha relevância com humor e criatividade. De uma jornalista com diploma não poderia se esperar outra coisa.
P.S- foi muito bom o contato com essa nova geração de jornalistas e a "cola" providencial.

Isabel Santos disse...

Se dá para explicar, infelizmente, não deu para participar das atividades desta vez. Sai do trabalho (não dava para faltar)depois das 21horas, mas meu pensamento estava o tempo todo lá. Ainda tentei ir à Câmara, mas consegui falar com Kardé antes e soube que não dava mais. Trabalhei vestida toda de preto porque não abro mão dessa luta. Parabéns a todos que estão engajados e fazendo acontecer.

Isabel Santos disse...

Se dá para explicar, infelizmente, não deu para participar das atividades desta vez. Sai do trabalho (não dava para faltar)depois das 21horas, mas meu pensamento estava o tempo todo lá. Ainda tentei ir à Câmara, mas consegui falar com Kardé antes e soube que não dava mais. Trabalhei vestida toda de preto porque não abro mão dessa luta. Parabéns a todos que estão engajados e fazendo acontecer.

Luisa disse...

oi joaninha passei pra fazer uma visita prometida.. ehehehe
adorei as fotos,,
a de Carmela entao, ficou oteeeema.
Parabéns pela luta!
rs Beijao!

Joana D'Arck disse...

Que bom te encontrar aqui Lu! Venha sempre dar uma espiada e comentar. Bjs.

Arquivo do blog