Quem somos

Quem somos
O blog de Joana D'Arck e pilheiros

domingo, 29 de janeiro de 2012

Desconvensamba da Feijoada acaba em Carnaval



Eládio tocou e cantou sucessos de Raulzito, acompanhado de Borega (baixo)

Pasmem, mas aconteceu: os jornalistas fizeram ontem o primeiro grito de Carnaval. Foi com este clima que encerramos o Desconvensamba da Feijoada, todos brincando ao som de marchinhas das antigas, puxadas por Rita Tavares (Birita) e animada por Agnes (quem diria), uma revelação na percussão. Pena que neste último momento as câmaras fotográficas já estavam com as baterias descarregadas de tantos clics que fizemos.

Carlinhos Cor das Águas e Cinho Damatta
Cinho Damatta apresentou repetório variado
Uma tarde de sábado inesquecível com este encontro de jornalistas, no terraço da Associação Baiana de Imprensa (ABI),  ao som do Matita Perê (Borega e Luciano), Cinho Damatta, Carlinhos Cor das Águas, Cárlos Eládio, parceiro de Raul Seixas nos Panteras;  todos acompanhados por Leonardo Cunha (Leo), que tocou clarinete e percussão.

Rita Tavares alternou com os colegas e encerrou com muita animação
As "panteras"
O evento, que também comemorou o aniversário de Rita Birita,  foi o terceiro de uma programação iniciada em setembro  do ano passado, com o Desconvensamba do Caururu, título proposto por Carmel. Os encontros foram  idealizados no grupo do Facebook EBC/UFBA, a partir da manifestação de muitos sobre a vontade de reencontrar pessoalmente colegas espalhados em radações de jornais, tv, rádio, sites, assessorias e em outras atividades.

Para ficar mais animado ainda, segundo a maioria que compareceu aos encontros anteriores, faltou Carmel, que ficou no Canadá com Luiza.

Fotos: Juciara Nogueira e Joana D'Arck

10 comentários:

Mônica Bichara disse...

Foi muito bom mesmo, adorei a tarde. Com tantos artistas maravilhosos juntos, vai ficar para a história da ABI.
Que nossa Lícia Fábio dos Pobres (quem será?) agende logo a próxima.

Araken disse...

que decadência!!

Isabel disse...

Agradabilíssimo o encontro, encerrado com um gostoso grito de Carnaval. Rita agitou geral com as antigas marchinhas. Adorei e dancei. Os artistas que estiveram ali arrasaram. Foi um prestígio e tanto para nós. Dez para os organizadores.

Joana D'Arck disse...

Isso mesmo Isabel, foi uma tarde muito legal e só temos a agradecer a participação de tantos artistas bons. Quem não foi, perdeu, como diz Mônica, esse encontro histórico na ABI. Como integrante da comissão organizadora, fico feliz pelo reconhecimento do nosso esforço.

Rui Baiano Santana disse...

Sinho da Mata meu amigo nos tempos de guri, tempos da negra Liberdade, Mutantes e Hendrix, Janis Joplin eram nossa praia. Nas feijoadas de domingo lá de casa. Nossos primeiros acordes, para a música, uma curiosidade, Sinho era chamado de "Chupa", tinha Maninho guitarrista, Dody Só hj. ator, os Irmão Marinhos feras na guitarra. bons tempos de Bahia, esse blog da Joaninha é massa como se fala aí na nossa Terra.
bjão.

Joana D'Arck disse...

Valeu, Rui Baiano. Já vamos completar quatro anos neste blog que faz uma salada de tudo, do mais sério ao mais hilário, registrando momentos que nos interessam, que vivenciamos, sem pretensão alguma de ser mais um blog informativo e pautado no dia a dia, apenas mostrando o que vai dando na telha de cada um dos colaboradores. Continue nos visitando. Estamos sempre recarregando a nossa pilha.

Mônica Bichara disse...

Vc tá decadente mesmo, Araka.

Ah! Por falar nisso, o cara do barzinho da Praia do Flamengo pergunto pelo "idoso". Aquele que só não te deu um nocaute por respeito ao Estatuto do Idoso. Tadinho...

Joana D'Arck disse...

O Minotauro do Flamengo é um cara compreensivo e cuidadoso com os mais velhos, não é Araka? Grande figura.

Alberto disse...

Araka é o ACM da Desconvensamba: festa que ele não vai, não vale.

Joana D'Arck disse...

Xiiiiiiiiiiiiiiii!

Arquivo do blog