Ela é a dona do jogo

Pedindo licença para prestar uma homenagem especial à D. Elza, minha mãe, que ontem (23) completou mais um ano de vida. Não vou dizer a idade porque essa senhora hiper vaidosa, que sempre considerou esse tipo de pergunta (quantos anos) uma grande falta de educação, continua se sentindo jovem . E está mesmo. Passou o dia comemorando o níver na maior disposição e alegria. Começou curtindo uma praia no Flamengo/Ipitanga e encerrou, à noite, na Barra, cercada de filhos (dos 11, só faltaram dois, Helena e João), netos (a maior parte dos 25) e agregados num bar desses da moda de carangueijo.










 

Comentários

Mônica Bichara disse…
Parabéns, Elzinha! Foi muito bom participar do início das comemorações. Muitos anos de vida e saúde, com essa mesma dispósição e vaidade (o espelho tá sempre ao alcance da mão).
Parabéns a todos os filhos, netos, genros, noras e outros agregados pela figuraça que comanda essa família. Beijos
Rita Tavares disse…
Sua mãe tá enxutérrima, Jô! Será que o segredo da juventude dessa família está na latinha? kkkkkkk
Araken disse…
Tem um corte numa foto aí que eu acho que é para esconder excessos
Araken disse…
Tem um corte numa foto aí que eu acho que é para esconder excessos