A praça é nossa!

Os coleguinhas e amigos da Comunicação da Alba  costumam fazer rápida pausa do trabalho  no bucólico ponto de encontro de final de tarde, que não se sabe porque, mas ecoa pelos corredores, foi  apelidado pelas más línguas de “Praça do Paumole”. A turma não gostou nem um pouco dessa maldade alheia e protesta firmemente. 
Bina (de terno) avisa: "isso não vai ficar assim!"



Derna se diverte com a maldade dos outros


Comentários

Simoa disse…
http://letras.mus.br/ronnie-von/48706/
Joana D'Arck disse…
Essa é do tempo do onça.