Quem somos

Quem somos
O blog de Joana D'Arck e pilheiros

terça-feira, 19 de julho de 2016

Protesto na Rua Chile nesta quarta (20)



No final da tarde desta quarta-feira (20), usuários do terminal de ônibus da Rua Chile protestam contra a falta de policiamento no local e o consequente aumento da criminalidade. Eles denunciam que estão desde setembro de 2015 sem a presença ostensiva de policiais, quando foi retirada a base móvel da PM que ficava estacionada na área. 

Assustados com a onda de assaltos na região, os frequentadores assíduos do terminal elaboraram um abaixo-assinado, que contou com a adesão de centenas de pessoas. O documento foi entregue ao Comando da PM no Centro Histórico, que admitiu não ter efetivo para manter a base constantemente na Rua Chile. A PM limitou-se a enviar a base por dois dias, o que revoltou os usuários.

A ideia da manifestação é chamar atenção da sociedade, da mídia e das autoridades da área de segurança pública para o problema, para que seja encontrada uma solução. Os assaltos são diários e os passageiros não escondem o medo em utilizar a estação, optando por aguardar os ônibus no meio da pista e sempre em grupos. Os marginais contam com a falta de segurança para roubar e escapar facilmente em direção à Barroquinha ou ladeiras da Praça e da Montanha .


“É inadmissível o abandono a que estamos relegados, pois o terminal é visado por ladrões pela presença constante de turistas que visitam o Centro Histórico, além de servidores públicos e estudantes. Exigimos respeito, pois somos cidadãos cumpridores dos nossos deveres e não queremos engrossar as estatísticas de violência da nossa cidade. Contamos com a sensibilidade da Polícia Militar para que seja restabelecida, com urgência, a segurança no terminal”, diz o abaixo-assinado.

Nenhum comentário:

Arquivo do blog