Malandro é malandro, mané é mané








Corrigindo uma afirmação que fiz no comentário sobre o texto "Ópera do malandro 1", creditando a Zeca Pagodinho a música "Malandro é malandro, mané é mané", resolvi postar esse vídeo de Bezerra da Silva cantando a sua composição que volta à cena como tema da personagem César, um advogado tirado a malandro, ou o contrário, não sei, muito bem interpretado pelo ator Antônio Calloni. Aliás, o cara é show!

Por falar nisso, olha aí o nosso colaborador Arakem articulando sabe Deus o quê, mas esta pose sugere muita coisa.

O que ele pode estar arquitetando?

Comentários

Mônica Bichara disse…
E o relojão de Faustão? kkkkkkkkkkkkkkk Esse malandro é um mané mesmo, a música é a cara dele hehehehe. Boa sacada, Jojô!
Arapinga disse…
nem conseguui ouvir as musicas proque meu computa é ruim pra dedé. mas vocês duas são musicas. e areia branca de praia, em dias de outono, de setembro ...de vberão.
Mônica Bichara disse…
ãããããããããããã!!!!!!!!!!!!!!! isso é um elogio ou....juro que não entendi kkkkkkkkkkkkkkk
Arapinga disse…
as areias de praia são confortáveis para a alma.Os amigos tornam nossos corações mais resistentes
Mônica Bichara disse…
uau! Araka não é mais aquele......... brincadeirinha, querido, tb te amamos. Vc é a água escura de Abaeté...hehehehe beijão