Quem somos

Quem somos
O blog de Joana D'Arck e pilheiros

sexta-feira, 25 de setembro de 2009

É só a Lua










Com medo de não acertar dizer o que sinto, mas é forte o desejo de expressar esse momento.

À AMIGA Mayra, uma das suas músicas preferidas.



"Vento solar e estrelas do mar
A terra azul da cor de seu vestido
Vento solar e estrelas do mar
Você ainda quer morar comigo
Se eu cantar não chore não
É só poesia
Eu só preciso ter você por mais um dia
Ainda gosto de dançar, bom dia,
Como vai você?
Sol, girassol, verde vento solar
Você ainda quer dançar comigo
Vento solar e estrelas do mar
Um girassol da cor de seu cabelo
Se eu morrer não chore não
É só a Lua
É seu vestido cor de maravilha nua
Ainda moro nesta mesma rua,
Como vai você?
Você vem, ou será que é tarde demais?
A terra azul da cor de seu vestido
Um girassol da cor de seu cabelo
Se eu morrer não chore não
É só a Lua ..."
(Um Girassol da Cor de Seu Cabelo - Lô Borges)

video

7 comentários:

Mônica Bichara disse...

Simplesmente lindo, Jojô. Não dá pra dizer mais nada. Ela vai continuar brilhando e clareando os caminhos, como a lua.

Joana D'Arck disse...

Os colegas do blog Bahia em Pauta (http://bahiaempauta.com.b) postaram uma mensagem muito legal para Araka, assinada por Victor Hugo, que também nós pilheiros queremos desejar ao nosso amigão: "Os jornalistas que fazem este site-blog mandam um abraço solidário ao bravo colega Araken Gomes, de tantas batalhas. Apesar da dureza do golpe desta perda, sabemos que ele resistirá mais uma vez. Pelo bem dos que ficam, e porque Maira seguramente seguirá cuidando dele onde quer que ela esteja a partir de agora , como companheira sempre generosa e leal".

Bárbara disse...

Putz... Fiquei sabendo do que aconteceu, mas não liguei o nome à pessoa. Agora que, falando com Borega, foi cair a ficha.

Cheguei a ser apresentada a Mayra uma vez, conversamos muito rapidamente... Sei o quanto ela é querida por Joaninha e Borega, dois amigos do coração. Araken, força. Meus sentimentos. Estou com vocês.

Diogo Tavares disse...

Caro Araken, mesmo longe receba um forte abraço nesse momento.

PAVEL disse...

Fui colega de Mayra no Nobel (Rio Vermelho)e lembro muito bem dessa música do Lô Borges que era uma das preferidas dela e fica aqui minha lembrança daquela menina linda que conheci no Colégio Nobel.Lamento muito seu falecimento e meus sentimentos para toda sua família.
Vai com Deus Mayra....

Pavel - Rio de Janeiro

Joana D'Arck disse...

Pavel, eu estava procurando uma idéia para homenagear a nossa amiga Mayra, quando conversei com Borega, um amigo músico muito querido e sensível, que me lembrou do quanto ela gostava dessa música.Vamos cantar pra ela sempre que a saudade apertar.

Manuela disse...

Muito triste o que aconteceu! Talvez eu tenha encontrado Mayra pouquissimas vezes em alguma festa na casa de Joaninha e tio Ze, via muito Arakem bebendo com essa galera. Encontrei com Morena uma vez em Londres, ela trouxe uma encomenda de minha mae (Deta) para mim e fui buscar onde ela morava. As poucas vezes em que vi Mayra ainda era adolescente e uma ou outra vez adulta. Ela me parecia uma pessoa muito calma e gentil. Sorridente e prestadora. Bom, nao posso descrever mais do que minha experiencia diz, mas posso dizer que chorei muito ao ler o depoimento de seus amigos aqui nesse blog. E gostaria de aproveitar e mandar um abraco a Arakem, Morena e Nara (e toda a sua familia). Vejo que a vida eh muito estranha, tem que se perder alguem tao especial e importante para entender-mos o porque de tudo. Estamos aqui uns para os outros e nada mais!!!!!

Arquivo do blog