Quem somos

Quem somos
O blog de Joana D'Arck e pilheiros

domingo, 5 de agosto de 2012

Morador de rua, em Stella Maris, pede livro universitário de física


Colegas da imprensa, uma sugestão de pauta: este senhor está morando há alguns meses num ponto de ônibus em Stella Maris e passa os dias desse jeito aí, deitado lendo. Isso mesmo, LENDO. Outro dia fui levar um casaco pra ele que tava chovendo, fazendo frio, e perguntei o que ele gostava de ler, se queria que levasse livros e revistas pra ele. A resposta me surpreendeu mais ainda: "Eu adoro ler e se você me conseguir livros universitários de física eu vou agradecer muito. Adoro física".
Fiquei pensando: o que teria levado este homem, que fala corretamente e gosta de ler, a ser morador de rua?  No dia não deu pra conversar mais p/q estava chovendo, mas acho que é um personagem fantástico para uma reportagem. Ele não bole com ninguém, tá sempre sentado ou deitado lendo, os moradores e comerciantes ajudam com comida, roupa, algum dinheiro...
Mas, quem é ele????? Está muito acima do peso, deve fazer as necessidades ali mesmo...De uns tempos para cá tenho observado a presença de outro homem "morando" lá (também costuma ficar lendo).

33 comentários:

GABRIELA disse...

Ja morei no bairro ... e faz 1 mes que li O Futuro da Humanidade de Augusto Cury! Leia tb.. Impressionante e fascinante!

Anônimo disse...

Miinha avó e tios moram no bairro, também morei durante boa parte de minha adolescência e juventude tb, não consigo acreditar que uma pessoa bem instruída e educada esteja nessa situação, mais fazer o q ná se nosso país da mais valor a futebol e carnaval. Educação realmente é um assunto muito "careta" nos dias de hoje, e não é prioridade de nossos governantes. Muitas pessoas bem sucedidas hj não possuem um pingo de educação, damos mais valor aos bens materiais q as pessoas, total inversão de valores e de papéis em nossa sociedade decadente. Onde será q tudo isso vai dar?, Será que estamos caminhando a passos largos rumo ao caos social?

Genie_in_a_bottle disse...

Tammbem moro no bairro e sempre comento isso com quem esta comigo no carro. Ele sempre esta lendo!! SEMPRE!!!

Genie_in_a_bottle disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Mônica Bichara disse...

Matéria no G1 Bahia

http://g1.globo.com/bahia/noticia/2012/06/morador-de-rua-monta-casa-em-ponto-de-onibus-da-capital-baiana.html

Mônica Bichara disse...

Pinico de ouro - adorei o nome do blog

http://www.pinicodeouro.com.br/tag/alberto-pinho

Mônica Bichara disse...

http://jornaldachapada.com.br/2012/06/17/bahia-morador-de-rua-monta-casa-em-ponto-de-onibus-da-capital/

Mônica Bichara disse...

http://www.jornalmassa.com.br/2012/06/97459-maior-abandonado.html

Anônimo disse...

Poxa! É preocupante a situação deste senhor. Moro aqui perto do ponto de ônibus e fico preocupada também de alguém fazer mal a ele ou até ele sentir algo, pois está bem acima do pesa. Outro fator que me deixa preocupada é que tem outro morador de rua que está morando a pouco tempo com ele e como já foi dito ler também, porém as vezes ele começa a gritar de uma forma que me deixa preocupada, pois não sei ele está usando algum tipo de drogas e fala coisas em matar, xinga bastante, daqui de casa dá pra escutar isso ocorre mais ou menos às 23h por volta, mas não é sempre, porém tb é preocupante.
Amei essa matéria e a divulgação no Facebook, espero que alguém possa ajudá-lo ou melhor ajudá-los pq agora são dois.

Anônimo disse...

Muito complicado essa situação, será que não é pobreza de espirito? escrizofenia? loucura? necessidade? sanidade? surrealismo? sabe-se lá o que se passa na cabeça de cada um ou cada dois, será que ele quer ser ajudado? será que vale a pena ajudar? a responsabilidade de quem for ajudar será verdadeira, falsa ou passageira? as vezes ajudar uma pessoa só faz Prolongar o seu sofrimento, más custa ou não custa ajudar? é dando que se recebe? o que mesmo? ajudar para satisfazer o ego, ter a alma perdoada ou a gratidão de estar fazendo a sua parte? É complicado essa situação, ajudar ou não ajudar eis a questão? Moro na área e já vi esse senhor já que ele tem "Fome" de leitura vou AJUDAR com uns livros, pelo menos.

Livia Cabral disse...

Na verdade, ele está na rua por opção. Tem casa e família, nota-se inclusive pelo fato de ser muito bem nutrido para um mendigo...Ele é advogado, se não me engano e desenvolveu algum distúrbio mental que o fez sair de casa e optar por viver na rua. A família recolhe ele de vez em quando, dá banho e alimento, mas ele volta pro ponto de ônibus. É, sem dúvida, muito desenvolvido intelectualmente!

Cida Moreno disse...

Há meses acompanho essa agonia. Apesar da reportagem feita por uma emissora de TV, não houve nenhum órgão ou associação que se pronunciasse para ajudá-lo. Cadê o serviço social do município? Cadê a sociedade protetora dos direitos humanos? Só agem a favor de homicidas, ladrões, estupradores mal tratados em penitenciárias? Cadê?????????????????????

Mônica Bichara disse...

Pois é, gente, acho que a função da matéria está sendo cumprida, pelo menos está chamando atenção da sociedade (já tem quase 400 compartilhamentos no facebook e algumas reportagens já foram feitas). Esperamos que as autoridades se movimentem e encontrem uma solução que satisfaça aos interesses dele, principalmente com relação à saúde.

Lívia Cabral, essa informação de que ele é advogado procede mesmo?
Fiquei preocupada tb com as informações desse vizinho (anônimo) sobre o outro homem que tem ficado lá no mesmo ponto.

Mônica Bichara disse...

Na Mira:
http://vimeo.com/43494696

Joana D'Arck disse...

Pois é, Gabriela (nossa, tô escrevendo o seu nome e ouvindo a música de entrada da novela, kkkkkk...) pensei o mesmo que você, quando vi esse post de Mõnica, mais uma demonstração da repórter de faro e sensível da nossa colega. O livro de Augusto Cury me veio logo à cabeça, quando vi essa história.

Mônica Bichara disse...

Me empresta o livro, Jô?

Anônimo disse...

Como diz a música: você tem fome de quê? Esse senhor tem fome do saber, ele deve valer o quanto pesa. Compartilho com todos a preocupação e também a admiração por ele, em um mundo onde a educação ou conhecimento muitas vezes só se limita no âmbito escolar, quando não estão em greve! rsrsrrsrsrrr

Anônimo disse...

O poder público poderia ver este senhor. Moro no bairro e está sendo terrível ver um ser humano nestas condições, sem termos nada o que fazer. Se tem algum problema mental, deveriam levá-lo a algum hospital para que fosse medicado, entrar em contato com família.... O que não pode ser é deixarmos desse jeito.

Anônimo disse...

Genteeee!!!Este homem vai ter um problema sério se continuar vivendo neste ponto de ônibus!!pega chuva, se molha, sol demais, ratos circulam no local, ele agora está criando gatos!! Até quando vamos viver esta desumanidade??

Mônica Bichara disse...

O impressionante é que mesmo com toda essa repercussão, mais de 1600 compartilhamentos até agora (isto, sem nenhuma campanha pedindo pra ninguém compartilhar), até agora não vi nenhuma matéria nova sobre esse caso. Muitos jornalistas me ligaram, pediram a localização do ponto onde ele fica...mas tenho pesquisado e não vi nada publicado. Até a TV Bahia entrou em contato dizendo que estava indo lá, mas não sei se a matéria foi feita.
O tempo passa e ele continua na mesma. Mas valeu mesmo pelo apoio de todos vocês a essa causa. Vamos ver no que vai dar

Mônica Bichara disse...

http://www.jornalmassa.com.br/2012/08/105819-livros-os-melhores-parceiros-na-rua.html
Bela matéria de minha amiga Maíra Azevedo publicada hoje no Massa, já dá maiores informações sobre o nosso personagem

Mônica Bichara disse...

Boa matéria tb, hj, no A Tarde Uol, de Bárbara Silveira

http://atarde.uol.com.br/materias/1446782gnora

Juciara Nogueira disse...

Só vi a postagem agora. Muito boa a iniciativa. Os comentários e a repercussão demostram que outros assuntos além dos diariamente tratados pela grande mídia têm sua importância e interessam.

Joana D'Arck disse...

O jornalista Marcus Gusmão compartilhou o link desse poste de Mônica e questionou: "Será uma estratégia inteligente da imprensa convencional ignorar e tratar as redes sociais na internet como concorrentes? A Tarde online publicou esta matéria ( http://atarde.uol.com.br/materias/1446782 ) como novidade depois de 9 dias de o assunto ter sido abordado num post do blog Pilha Pura com mais de 1600 compartilhamentos só no facebook".

Mônica Bichara disse...

No Portal de Stella:
http://stellaportal.com/wp/index.php/2012/08/09/morador-de-rua-monta-casa-em-ponto-de-onibus-no-stella-maris/

Mônica Bichara disse...

Mais uma iniciativa pelo face pra tentar ajudar nosso amigo de Stella:

https://www.facebook.com/update_security_info.php?wizard=1#!/photo.php?fbid=444598092249511&set=a.165490556826934.30262.100000979714795&type=1&theater&notif_t=photo_reply

Mônica Bichara disse...

Na edição de hj do jornal A Tarde (10/12/12) foi publicada uma foto dos dois moradores da casa/ponto de Stella, de autoria do fotógrafo Ivan Baldivieso. E tudo continua como antes...

Mônica Bichara disse...

Nova postagem do Pilha sobre o agora ex-morador do ponto:
http://pilhapuradejoaninha.blogspot.com.br/2013/01/morador-do-ponto-de-stella-maris-foi.html

Fatima Coutinho disse...

Sr. Alberto faleceu na madrugada de sábado (2) para domingo. A polícia recolheu o corpo no domingo, dia 3.
No sábado, quando passei pelo local, ele estava embaixo do plástico amarelo, se abanando com uma revista, pois o calor estava realmente insuportável.
Não soube detalhes da causa da morte, mas nas condições em que ele se encontrava não tinha como aguentar muito tempo.

Anônimo disse...

que Deus o guarde em um bom lugar

Mônica Bichara disse...

Pois é, gente, ficou a sensação de inutilidade. Tanta mobilização, mais de 1700 compartilhamentos e não adiantou nada. Mais uma crônica de uma morte anunciada. Triste, muito triste

Andréia Menezes - Moda&Acessórios disse...

Soube hj e toou muito triste... Eh um abisurdo genteeee q mundo de caoooooo...

Andréia Menezes - Moda&Acessórios disse...

Soube hj e toou muito triste... Eh um abisurdo genteeee q mundo de caoooooo...

Arquivo do blog